BRASIL, Mulher, de 26 a 35 anos, E-mail: paixaoprimeiravista@gmail.com
MSN - paixaoprimeiravista@hotmail.com

 

   

    UOL - O melhor conteúdo
  Ame Livremente - super blog para a comunidade gay!


 

 
 

   

   


 
 
Manual Sobre Vivência



Quer compartilhar sua história de vida comigo? Meu e-mail é paixaoprimeiravista@gmail.com

Mantenho sigilo do seu nome, preservo sua identidade e então nós conversamos sobre o que você quiser. Pode confiar! :)

Meu orkut - link: http://www.orkut.com.br/Main#Profile?rl=mp&uid=10630482301881938891

Meu facebook - link: http://www.facebook.com/update_security_info.php#!/profile.php?id=100002183483389

________________________________________________________________________

 

Bom dia, amigas..!

Hoje o blog traz uma história triste...acho triste porque se parece um pouco com a minha, quem sabe a gente não fala também um pouco disso...

Hoje é domingo..! Espero que estejam confraternizando com a família ou com as pessoas que vocês amam...! Uma ida a um parque no domingo é legal...tudo vale a pena quando estamos junto daqueles que gostamos...

Meninas, assisti finalmente ao filme "Como esquecer..." da Ana Paula Arósio...foi muito interessante mesmo, mas é um filme bastante triste! Recomendo, sim, mas é triste! Eu me vi querendo extirpar aquela pessoa de dentro de mim, sabe...como se tentando, de alguma forma, sobreviver...muito difícil...

Ai, ai...então vamos à história de hoje...quem nos escreve é Silvia**....

"Oi Kika adorei seu blog,leio sempre q sobra um temp!Meu nome é *** tenho 19 anos e amo minha ex namorada! Se fosse só isso eu ficaria mt feliz rs.Tem uns 2 anos q terminei o namoro e juro que penso nela todos os dias até Hj!Foi o primeiro relacionamento lésbico das duas e durou pouco mais de 8 meses!Na época eu tinha 17 anos e ainda estava no 3 ano e ela tinha acabado d entrar na facul(em outra cidade)só a via no fds mas dava pra levar numa boa,era um namoro quase perfeito mas nos tínhamos uma "amiga"(a ditacuja chama Joana**) em comum!Ela vivia fazendo inferno, inventando coisas e tudo mais q vc possa imaginar!Um dia eu cai no papo errado dela e acabei traindo a ***** com essa mesma garota!N tive tempo nem d respirar e tentar contar pq a Joana foi logo fazer o inferno.Depois disso a *** deu uma surtada e saiu pegando todo mundo e não terminou,isso tudo indo na onda da tal garota!descobri que ela estava me traindo na véspera do aniversário dela(adivinha quem me contou?)!n pensei nem meia vez e terminei por telefone mesmo,isso numa quarta na sexta ela veio pra csa e não quis nem me ouvir.Desde entao nos falamos 2ou3 vezes só,uma delas foi quando ela achou q estava grávida e antes mesmo d contar suas suspeitas para o namorado ela me ligou e pediu ajuda(só para não deixar dúvidas eu ajudei).Depois disso eu fui estudar fora Tbm e não nos falamos mais até Pq o namorado dela sabia de nos e acho que tinha medo,sei lá!Aí segunda agora eu criei um Facebook e Adc ela,imaginei q n me aceitaria por causa do namorado ou melhor ex(q só pra constar fez mt mal a ela)! Bom trocamos msn(Pq a psicopata da mina q eu namorei durante esses 2 anos excluiu ela)e ficamos batendo o maior papo,ela deu várias indiretas falando q época boa era quando a gente namorava e me convidou pra ficar na casa dela no fds! E agora Kika?Me ajuda a entender?!não sei Oq ela quer e Tbm to com medo de me mágoar mais uma vez!Beijos e por favor não divulga nossos nomes!"

Minha querida, mudei todos os nomes, como sempre, não se preocupe!! :)

Silvinha, Silvinha...sinto muito pelo ocorrido...eu penso na minha ex de manhã, à tarde, à noite e todos os dias da minha vida....é assim quando a gente ama de verdade, amiga. Ela me machucou muito, com as palavras, com as ações...penso nela, nos detalhes do corpo, da mente, do coração...é uma tristeza...e é por isso que mantenho o blog! Não desejo a tristeza do meu coração a nenhum ser humano nessa Terra, então, para ajudar às amigas a serem mais felizes, eu escrevo para vocês...com a vontade de sempre adicionar...

Nós não podemos condicionar a vida das pessoas e fazer com que elas ajam conforme nossas necessidades...caso assim fosse feito, a minha ex estaria comigo, agora, perto de mim...mas não é. Nós nos fizemos muito mal e hoje eu sei que não podemos ficar juntas, mas no seu caso...por que não?

Vocês tiveram problemas sérios, de traição. Ela se desestabilizou depois que soube disso e não conseguiu firmar sua vida em um rumo só. Minha querida...o melhor que se tem a fazer é ter uma conversa franca. Fale para ela que gostava muito da época em que as duas foram unidas...fale que o erro foi confiar em terceiros, ser levada na conversa dessa sacaninha...

Não se engane, Sil...você errou. Você errou e muito! Não deveria ter ficado com a sacaninha que deu em cima e jogou uma conversa, mas creio que estava meio abalado o relacionamento, para você cair na conversa dessa mulher. Certo, errou. Reconheceu seu erro?

Se você reconheceu o erro, então tá tudo certo...para mim, o pior não é errar, é não reconhecer que errou e não tentar consertar os danos do erro.

Uma vez troquei mensagens com uma pessoa. Errei. Nunca fiquei com ela ou mais ninguém, mas troquei mensagens. Errei muito! Reconheci o erro, pedi desculpas, seguimos em frente. Aí erra a outra pessoa. Você espera desculpas. Cadê?

É FODA! (Desculpe-me o termo...mas será que há outro melhor????)

Minha amiga, você não precisa ter medo de se machucar...ou de machucar alguém...se você entra no relacionamento com o conhecimento do que a outra pessoa é, das coisas que ocorreram, então você não entra cega.

E outra...não pense que você continuará aquele romance de antes...você teve experiências pós-fulana...a fulana teve experiências pós-você...e não falo de ficar com pessoas, falo de experiências de vida...do sofrimento da perda, das conversas com amigos...das influências do dia a dia...as coisas mudam, Silvia!

Você pode ter um relacionamento até muito melhor com ela, contadas as oportunidades que tiveram de crescer. Pode ser muito melhor, porque não vão se investir naquele manto sagrado do "eu vivo somente pra você e você somente pra mim". Isso não existiu. Vocês levaram quedas, levantaram, seguiram em frente. Os tropeços da vida são essenciais para que conheçamos o caminho e saibamos, mais tarde, como desviar desses obstáculos sem nos machucar tanto.

Vá por mim, não tem como se machucar. Tente novamente. Pode ser bom...e se não for, minha querida, não foi e pronto. Ruim mesmo é a gente não tentar por medo de viver...

Quem vive com medo de morrer, morre de medo de viver.

Pense nisso...

Beijooooo

Kika



Escrito por Kika às 10h09
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]





[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]